16/09/2010

Perto do coração

"— Você acha que o nosso amor pode fazer milagres?" (Diário de Uma Paixão)


Ele odiava aquele batom escarlate, misturado com o senso de humor sarcástico dela,
(mas não parava de olhar para aqueles lábios);
Ele odiava quando ela ouvia Oasis no último volume,
(mas ele só conseguia dormir, quando imaginava ela cantando);
Ele odiava o cabelo dela tão liso naturalmente e sem graça,
(mas tinha ciúmes do vento quando o bagunçava).

Ela odiava aquele cigarro, junto com a bagunça dele,
(e de tanto não gostar de vícios, ela tornou-se viciada nele);
Ela odiava a paixão rubro negro que ele tinha,
(mas em segredo, torcia pelo time de futebol dele);
Ela odiava quando ele deixava a barba crescer,
(mas amava os arrepios que sentia, quando seus rostos estavam colados um no outro).

— Apesar de muito, meu amor é muito maior.
— Apesar de sempre, eu sempre vou te amar.

[Erllen Nadine]


"— Eu acho que o nosso amor pode fazer tudo..." (Diário de Uma Paixão)