13 de julho de 2010

"Eu sinto muito."

"Saudade é não saber. 
Não saber o que fazer com 
os dias que ficaram mais compridos."
(Martha Medeiros)

Sinto falta do tempo em que as amizades não mudavam, do tempo em que minha avó contava as histórias do vovô; sinto falta do tempo em que brincar era o melhor remédio, do tempo em que eu não tinha ninguém para esquecer. Sinto falta do tempo em que eu não sabia o que era sentir falta.


Nadine