08 julho, 2010

O nome dela

Para Dayanne Soares.

Ele sabia o quanto seria difícil esquecer uma tal garota, mas tentou agir como se nada tivesse perdido. Sem ela, seu coração se tornou frágil demais, um tanto quebradiço e molhado. Então, em um dia qualquer, ele conheceu uma garota; ela não tinha nada a ver com a menina que ele tentava esquecer, exceto... Pelo nome. Era apenas uma letra que mudava, mas quando aquelas primeiras palavras chegaram até ele, sentiu o céu desabar. Como se tivesse ficado atordoado com tanta saudade e amor. De repente, se afastou daquela garota, das palavras; queria fugir daquele dia, se fosse possível. Ao invés disso, parou no tempo, com a solidão em volta, chorou e chorou. Lembrando. Amando. Pensando nos erros que cometeu, nas decisões precipitadas que tomou; pensou em sumir mais ainda, ou quem sabe voltar. Não conseguia conter as lágrimas, os pedaços de corações que caíam sobre as mãos; não apenas o dele, mas também o dela que havia se misturado. Mas o silêncio que ele escolheu foi mais forte, ele preferiu continuar sozinho e perdido naquela cidade grande, porém, sempre com o nome dela escrito no pensamento dele.

Erllen Nadine

Um comentário:

"Um sorriso que derreta satélites e corações gelados."