23/10/2010

Deixa

"Ela pediu: — Deixa eu cuidar de você?" (Caio F.)


Deixa eu me deitar no seu colo e te contar das minhas vidas passadas e de todas às vezes que te encontrei no meu caminho. Deixa eu me aproximar, para sentir de perto sua respiração, e dar sentido a cada batida dos nossos corações. Deixa eu falar no seu ouvido carinhosamente de todo o sentimento, dos devaneios. Deixa eu encostar minha boca na tua, para liberta-se da saudade... Para tentar te convencer... Que nunca vou te esquecer.

"Deixo."

Erllen Nadine