28 agosto, 2011

V - diário de agosto

Ygor Marotta


"Peixes, logo vi, regente Netuno, ah Netuno, cuidado com as ilusões,
mocinha, profundas e enganosas feito o mar que é teu elemento." Caio F.

para Nyllmara Valdevino

Nunca escrevi nada sobre você. Você sempre reclamou. Isso não significa que eu te ame menos. Te devo desculpas por todas às vezes que fui rude, todas às vezes que não deixei explícito o quanto você é importante pra mim. Mas você sabe: sou assim mesmo. Sempre foi você a única que eu mostrava o que eu escrevia, tudo que eu desenhava; só você tinha acesso a bagunça do meu coração. De todas as minhas amizades, a sua, foi a única que não foi corrompida por álcool e cigarros. Juntas, nunca precisamos de mais nada além do meu senso de humor e das suas maluquices, a combinação ideal para passarmos as tardes rindo - até chorar, até a barriga doer. Vi você se apaixonar, e tive que aguentar seu romantismo de pisciana. Você me viu ir embora, e teve que aguentar essa distância dolorida. 13 anos de amizade. O que mais posso dizer? Vem, ouvir Complicated, inventar nomes, roubar as flores em frente a prefeitura, vestir roupas parecidas. Vem, pegar nossa infância emprestada por um dia qualquer.

Erllen Nadine

11 comentários:

  1. Verdadeiros amigos são raros, cuide sempre deles.
    Lindo o texto Nadine. =D
    Eu queria pegar minha infância emprestada por um dia qualquer...

    Beijos Nadine.

    Briccio.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Nadine, que bom que voce gostou do meu final.. =) Baseado em uma historia que eu escrevi, mais a minha historia ainda nem acabo rsrsrsrs

    beeijos flor..! - Marcela Alves

    ResponderExcluir
  3. Adoro declarações explícitas de afeto, mesmo as tardias.

    ;)

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. Ah meu Deus *--------*

    Pela primeira vez você escreve algo pra mim e ja é assim :D

    ResponderExcluir
  5. Cara, chorei agora *----------------*

    Nem acredito que depois de muito tempo você escreveu algo pra mim.

    Sem dúvida, de todos os seus textos ele é o mais lindo.

    ResponderExcluir
  6. Eu também quero "pegar minha infância emprestada por um dia qualquer"... quero muito..

    Muito fofo Nadine

    bjss

    ResponderExcluir
  7. Huumn, uma amizade saudavél, nada de álcool e cigarros. rs *--*
    E é sempre bom a gente pegar a infância emprestada,
    mesmo que seja só na lembrança.
    Ou ela pode ir até ai, e roubar essas tais flores.
    kkkkk, o texto ficou lindo mesmo.

    beeijoca ;*

    ResponderExcluir
  8. a distância é dolorida, mas 13 anos alimentam mas esperanças e alegrias do que distâncias! beijos nadine :*

    http://sabrinanunees.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi flor linda como sempre postando coisas deliciosas de se ler, adorei beijos minha amada..
    e ótima noite..

    ResponderExcluir
  10. Oi, Nadine, nossa sumi né? Bem queria dizer que gostei muito desse post, amizades são coisas boas e devem-se se levar para toda vida.

    Adorei!

    ResponderExcluir

"Um sorriso que derreta satélites e corações gelados."